Estudar

Estudar na Nova Zelândia

A Nova Zelândia te convida a conhecer um mundo novo, além da sala de aula.

A Nova Zelândia tem uma maneira inovadora de ver a vida, uma maneira que cria as condições perfeitas para o aprendizado e vivencia no país. Esse é um dos melhores países do mundo para se viver e estudar. Seu sistema de ensino possui renome internacional e o país oferece um estilo de vida imbatível. Segura, amigável e receptiva, a Nova Zelândia é um parque natural cheio de oportunidades para experiências únicas.

Começando pela segurança, a Nova Zelândia está classificada como o quarto país mais seguro do mundo, de acordo com o Índice Global da Paz. Com as taxas de criminalidade muito menor do que em outros países, você pode ter certeza de ter feito a escolha certa para seus estudos e poderá desfrutar de tudo o que Nova Zelândia tem para oferecer. Lá você será sempre bem cuidado, pois o país possui seu Código de Boas Práticas, determinado pela Pastoral Care que assegura o bem estar e segurança dos estudantes internacionais no país. Esse é um grande diferencial, para garantir a sua escolha pela Nova Zelândia como destino para seu intercambio.  

Esse é um país de muitas misturas, culturas e estilos de vida diferentes, onde os desconhecidos se tornam amigos para a vida. Há muito o que aprender nesse incrível país.

Um lugar lindo por natureza e destino de algumas das paisagens mais impressionantes do mundo, é a mistura perfeita de vida ao ar livre e urbana, que cria uma atmosfera única. Lar de cidades vibrantes e modernas, repletas de natureza e que proporcionam aventura, adrenalina, cultura, diversão e entretenimento em cada lugar que você passar pela Nova Zelândia. Sempre haverá algo novo a descobrir por lá.

Destino principal para praticar esportes radicais, na Nova Zelândia você poderá combinar os seus estudos com muita adrenalina no cenário ideal. Por ter a natureza presente no seu dia a dia, o país proporciona uma ótima qualidade de vida e hábitos saudáveis. Lá você encontrará o equilíbrio perfeito entre estudos, diversão e vida saudável.

Além de todas essas vantagens, a Nova Zelândia também proporciona um dos melhores sistemas educacionais do mundo, lá encontram-se professores comprometidos com a qualidade do ensino, dispostos e revolucionar o processo de formação com o uso de novas tecnologias e da interatividade. Você vai aprender a pensar de modo crítico e criativo. O padrão de ensino da Nova Zelândia gera resultados positivos e consistentes. Em qualquer região onde você decida estudar existirão normas, códigos de ética e um currículo, determinados pelo governo, garantindo a alta qualidade do ensino do país.

 

No país há alguns padrões e índices de qualidade que são seguidos e exigidos pelo governo para com as instituições de ensino. São esses:

 

Certificado Nacional do Rendimento Escolar (National Certificate of Educational Achievement):

É a principal qualificação das escolas nacionais da Nova Zelândia. Também é levado em consideração para o ingresso em universidades e é também reconhecido por outros países, incluindo os Estados Unidos, Inglaterra e Austrália, quando atingido pelo NCEA no nível 3.

 

Exames de Cambridge:

Aproximadamente 60 escolas secundárias da Nova Zelândia oferecem essa qualificação. Ela pode ser alcançado em três níveis entre os anos escolares 11, 12 ou 13 e usa uma variedade de métodos de avaliação com ênfase em exames externos. Cursos e avaliações internas também fazem parte de muitos assuntos.

 

Bacharelado Internacional (International Baccalaureate – IB):

Desenvolvido em Genebra, o IB é projetado para fornecer uma qualificação internacionalmente aceita para ingresso no ensino superior. Há 21 Escolas Internacionais na Nova Zelândia que oferecem um ou mais dos três programas IB.

 

SISTEMA EDUCACIONAL NA NOVA ZELÂNDIA

De maneira geral, o sistema educacional da Nova Zelândia concentra-se em ensinar os alunos a resolver problemas, absorver, analisar e aplicar informações, para trabalhar com outras pessoas, criando e inovando. Há muito incentivo e espaço para debates, o pensamento livre e a flexibilidade, e os professores incentivam os alunos a serem confiantes, conectados e ativamente envolvidos, ao longo de seus estudos.

Antes de começar a traçar seu roteiro de estudos na Nova Zelândia, é importante entender como funciona o sistema educacional do país. Para isso, os textos abaixo trazem informações precisas para você. A Nova Zelândia Destino te ajudará nessa jornada, auxiliando nos melhores caminhos para seu futuro no país.

O sistema educacional da Nova Zelândia possui três níveis de educação:

Educação Infantil (Early Childhood Education)

Esse é o começo da vida educacional que inicia no nascimento à idade de ingresso escolar, geralmente a partir dos 5 anos de idade. Nessa fase, entre as idades de 3 a 5 anos, as crianças freqüentam um serviço de ECE por 20 horas por semana.


Educação Primária e Secundária (Primary and Secondary School – Formação Escolar)

Esse é o segundo nível de ensino, começando dos 5 aos 19 anos de idade. Para um cidadão da Nova Zelândia ou um residente permanente, o ensino é gratuito em escolas públicas (escolas que são de propriedade do governo ou financiadas por ele).   

A escolaridade é obrigatória a partir de 6 anos de idade aos 16 anos. Sendo que a maioria das crianças permanece na escola até cerca dos 17 anos.

Essa fase é composta por 13 níveis, denominados como Ano, que são divididos em:

  • Escola primária – tem início no Ano 1 e vai até o Ano 6 (cerca dos 5 aos 10 anos de idade).
  • Escola intermediária – envolve os Anos 7 e 8 (cerca dos 11 aos 12 anos de idade).  
  • Escola secundária – tem início no Ano 9 até o Ano 13 (cerca dos 13 aos 18 anos de idade).
  • Educação Superior (Higher Education) – a partir dos 18 anos de idade.

Educação Superior e Técnico

Seja qual for o ensino superior que você estiver procurando, na Nova Zelândia você irá encontrá-lo. O país oferece a seus estudantes locais ou internacionais um leque de opções como 8 Universidades, 18 Institutos Tecnológicos e Politécnicos, 600 Instituição de Formação Privada, cerca de 20 organizações de Formação da Indústria e 54 Escolas de Inglês. Além do mais, estas instituições estão localizadas em todo o país, para que você possa escolher onde quer estudar.

O Ensino Superior e Técnico é subdividido em 10 níveis, sendo eles:

  • Certificados – níveis 1 a 4
  • Diplomas – nível 5
  • Graduação – níveis 6 e 7
  • Pós-Graduação – nível 8
  • Mestrado – nível 9
  • Doutorado – nível 10

 

Abaixo conheça as descrições que fazem parte de cada instituição de Educação Superior e Técnico na Nova Zelândia:

  • Universidades:

Todas as universidades da Nova Zelândia estão classificadas entre as melhores do mundo segundo o Ranking Mundial de Universidades (QS World University Rankings). Trinta e uma das áreas de estudo oferecidas pelas suas Universidades também estão no ranking das 100 melhores do mundo.

O índice de classificação, The Better Life Index OCDE 2013 considera a Nova Zelândia como um país de alto desempenho na qualidade do seu sistema educacional.

As qualificações que você vai ganhar na Nova Zelândia são altamente procuradas pelos empregadores e outras instituições educacionais em todo o mundo. Através desse estudo, você vai adquirir conhecimentos que abrirão portas. Você vai se tornar um pensador confiante, crítico e criativo. Essas habilidades são muito valorizadas pelos empregadores em todo o mundo. Como membro da Convenção de Reconhecimento e Qualificação de Lisboa, as qualificações da Nova Zelândia são reconhecidas em mais de 50 países.

Saia na frente da concorrência. As licenciaturas da Nova Zelândia estão listadas no Quadro de Qualificações da Nova Zelândia (New Zealand Qualifications Framework) e são amplamente reconhecidas no mercado de trabalho internacional e para o estudo de pós-graduação.

Ao se graduar, você poderá ser facilmente empregado, pois o estudo é concentrado em desenvolver habilidades no mundo real, para garantir que o aluno esteja pronto para trabalhar no mercado quando se formar. Os empregadores valorizam a capacidade dos graduados no país para pensar de forma independente, encontrar soluções e resolver problemas. Muitos empregadores na Nova Zelândia estão buscando profissionais qualificados, para que possa encontrar trabalho no país.

 

  • Institutos Tecnológicos e Politécnicos:

Estudar em um Instituto Tecnológico e Politécnico dará ao estudante as habilidades e experiências necessárias para trabalhar em qualquer lugar no mundo. São 18 instituições públicas que recebem mais de 157 mil estudantes ganhando qualificações em diferentes setores da indústria, pois tem como foco aprimorar as habilidades práticas profissionais.  

Todas os cursos oferecidos pelos ITP, do nível Certificado a Pós-Graduação, tem como foco preparar o estudante de maneira prática para a indústria de trabalho, o que garante a relevância dos cursos. Os professores estão inseridos na indústria e levam até os alunos as suas experiências e conhecimentos, o que torna esses cursos serem reconhecidos internacionalmente, proporcionando ainda mais oportunidades de trabalho.  

As principais áreas de demanda são em TI, Engenharia, Agricultura e Silvicultura, Saúde e Serviços Sociais. Os programas de ITP podem envolver estágios e projetos da indústria, o que ajuda a empregabilidade dos estudantes ao se formarem.

 

  • Instituição de Formação Privada:

Obtenha as habilidades que você precisa para tornar-se um profissional pronto para o mercado de trabalho. A Nova Zelândia tem mais de 700 instituições de formação privada que oferecem caminhos para empregos em indústrias especializadas. As principais áreas são:

Negócios e Tecnologia, Gastronomia e Hotelaria, Turismo, Aviação Comercial, Animação e Design de Game.

Essas são instituições especializadas, com os mais altos padrões de qualidade e excelente formação profissional. As turmas são formadas por um número menor de estudantes, o que proporciona uma atenção mais individualizadas e pessoal a cada estudante, e maior contato com os professores, além de facilitar no networking.

Todos os cursos oferecidos pelos ITP, do nível Certificado a Pós-Graduação, são desenvolvidos para que o aluno obtenha resultados reais, pois o estudante terá treinamento prático no ambiente profissional e trabalhará em projetos dentro de empresas concretas do país. Sua qualificação será reconhecida internacionalmente, abrindo vantagem em relação a outros candidatos.


ESTUDO DE IDIOMAS/ ESTUDO E TRABALHO

Quando o aluno vai para a Nova Zelândia para estudar por um período a partir de 14 semanas consecutivas, em um curso de período integral, em uma instituição de Categoria1 que cumpra com os requisitos de qualidade pré estabelecidos pela New Zealand Qualifications Authority (NZQA), ele automaticamente poderá aplicar para um visto de estudante, o qual concederá a permissão legal para trabalhar no país por meio período (até 20 horas por semana) durante o período de aula e durante as férias programadas, chamadas de “scheduled breaks”. O aluno poderá aplicar para esse visto estando matriculado em qualquer um dos cursos de idioma oferecidos pelas escolas, desde que cumpram com os pré requisitos estabelecidos.

A Nova Zelândia oferece uma variedade de cursos de inglês, adequados às diferentes necessidades de estudo. São alguns deles:

Inglês geral

Enfoque nas habilidades lingüísticas do inglês como comunicação, gramática, leitura, escrita e audição. Tem o objetivo de aprimorar a proficiência do idioma para diferentes fins. Os cursos de inglês geral, também conhecidos como English as a Second Language (ESL), possuem diferentes níveis de curso, indo do elementar ao avançado. Geralmente no primeiro dia de aula o aluno fará um teste de inglês e então será nivelado de acordo com o inglês que possui. A partir de então, o aluno vai subindo de nível conforme sua evolução no curso. Esses cursos podem ser feitos em curta ou longa duração.  

Inglês para fins acadêmicos

Esses cursos são direcionados a aqueles que desejam se preparar para ingressar em cursos profissionalizantes ou universitários e que ainda não possuam nível de inglês suficiente para se matricularem direto nessas instituições. Os cursos têm enfoque no ensino do inglês falado e escrito, e outras habilidades específicas, necessárias para um contexto específico.

Preparação para exames do IELTS e TOEFL

Se o estudante precisa usar o Inglês como língua principal de comunicação para o trabalho ou estudo, esses cursos irão ajudá-lo a chegar lá, pois tem como objetivo avaliar a sua proficiência e prepará-lo para os exames IELTS e TOEFL, para que obtenham um bom desempenho neles.

Cada curso possui sua metodologia e duração específica e são oferecidos pela maioria das escolas na Nova Zelândia.

Preparação para exames do Cambridge

Este curso desenvolve a língua inglesa a fim de preparar o aluno para prestar os exames de Cambridge, que são aceitos por universidades e empregadores pelo mundo todo.

Fonte: Governo da Nova Zelândia